Meu Mingau de Milho Verde, ou melhor, Amarelo

Alguns o conhecem pelo nome de Curau, mas em Minas falamos Mingau de Milho Verde.

Nestas férias de julho estive em BH nutrindo-me de carinho e aconchego familiar. E mais, me deliciando com os quitutes da Conceição, uma delícia de cozinheira. Tudo que ela faz, faz com amor e na velocidade de uma maria fumaça. Uma típica mineira. E é só eu falar que estou indo passar uns dias por lá, que Conceição adora me mimar com esse afagos de prazer.

Pois bem, o que resolvi pedir? Um delicioso mingau de milho verde.

No dia seguinte à minha chegada eu e Conceição começamos a prepará-lo. Em meio a prosas e fofocas debulhávamos o milho.

Com sua técnica e prática Conceição depelava as espigas não sobrando, sequer, um único grão para contar história.

Essa parte, confesso que deixei ao cargo de sua experiência. Tentei, mas minhas espigas continuavam amarelas. Minha maior habilidade com certeza é o comer.

O bom do mingau da Con é que posso sentir o gosto do milho. Não muito doce. A doçura é na medida do ato de se apaixonar e querer sempre mais.

E assim continuamos a preparar: leite, canela e alguns minutos no fogão até engrossar.

O cheiro já exalava pela casa.

Depois de pronto lá estavam as delícias, cada um em sua vasilha à espera do degustar!

Aquela cor amarelada (nada verde), polvilhada com canela, só à espera da primeira da primeira abocanhada!

Conceição, obrigada por tornar meus dias ainda mais saborosos!!

Anúncios

3 respostas em “Meu Mingau de Milho Verde, ou melhor, Amarelo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s