Delícias Famosas

Imagem

Captura de Tela 2013-12-02 às 09.57.33

Você gosta de filmes? E seriados?

Já imaginou o seu filme ou seriado predileto se transformar em uma deliciosa preparação?

Essa foi a saborosa e genial ideia  do designer de multimídia italiano, Frederico Mauro. Ele se aventurou na criação de divertidas e saborosas imagens que associam a comida aos filmes e programas de TV.

Um clique pra lá de delicioso!

Captura de Tela 2013-12-02 às 09.57.40 Captura de Tela 2013-12-02 às 09.57.47 Captura de Tela 2013-12-02 às 09.57.56 Captura de Tela 2013-12-02 às 09.58.02 Captura de Tela 2013-12-02 às 09.58.07 Captura de Tela 2013-12-02 às 09.58.14 Captura de Tela 2013-12-02 às 09.58.32

Salada Imagética

Imagem

celly

A palavra arte origina-se do latim ars, significando técnica e/ou habilidade e relaciona-se com atividades de ordem estética e/ou comunicativa por meio da percepção das emoções, das ideias …

Entre as suas formas de manifestação e expressão temos os movimentos artísticos. Celeste Byers, provavelmente, não é um nome que possamos associar imediatamente com as revoluções históricas da arte. Mas, este adorador e entusiasta pela natureza poderia facilmente se deliciar em vários movimentos artísticos: modernismo (pop-art), surrealismo ou até mesmo o romantismo.

Não sou uma entendedora nata sobre artes. Mas, aprecio e saboreio aquilo que desperta os meus sentidos e eles são ainda mais aguçados quando há manifestação artística em sabor.

Esta é a proposta de Byers, cujas obras têm sido destaque no The New York Times. Recentemente, este artista, criou uma série de ilustrações feitas à mão – que são então digitalizadas – para um livro intitulado “Cook’s Garden“, que abastece restaurantes de Los Angeles com ervas frescas, frutas, legumes e ovos.

Uma mistura de cores, sabores e formas de aguçar a imaginação.

Vale o clique!

CooksGardenCover_700 

Receitas Ilustradas

Imagem

Toquinho já dizia que numa folha qualquer a gente pode desenhar o que a gente quiser, um sol amarelo, um castelo e até mesmo receitas.

Na mesma “panela” que o post Picasso na Cozinha, essa foi a ideia da artista plástica Felicita Sala. Depois de estudar filosofia e línguas europeias, essa artista decidiu se deliciar em ilustrações de maneira mais informal se inspirando nos alimentos, na música e nas crianças.

Do seu gosto pelo sabor, em 2012, iniciou uma série de receitas deliciosamente ilustradas.  São 12 receitas divididas passo a passo, um deleite para os olhos e estômago.

Experimente!

Captura de Tela 2013-08-23 às 16.20.33 Captura de Tela 2013-08-23 às 16.20.45 Captura de Tela 2013-08-23 às 16.21.00 Captura de Tela 2013-08-23 às 16.21.12

Catering Inovador

Imagem

Captura de Tela 2013-08-02 às 09.31.10

Catering é um tipo de serviço que tem como objetivo fornecer serviços alimentares em diferentes lugares (avião, casamentos, feiras, eventos, outros). Normalmente há uma equipe treinada e especializada na elaboração dos cardápios, utilização de equipamentos específicos e controle de qualidade.

Este é o tipo de catering que estamos acostumados a experimentar. Agora esqueça tudo isso e embarque nesta nova delícia proposta por uma equipe de designers, chefs e especialistas em eventos. Este time criou a Pinch Food Design, uma nova forma de servir alimentos. Uma experiência pra lá de gastronômica… e imprevisível.

A intenção é impressionar, entreter e inspirar utilizando como protagonista o alimento. Em cada apresentação, em cada mordida uma surpresa em pedaços. É a arte de celebrar e saborear.

Deguste!

Captura de Tela 2013-08-02 às 09.30.08Captura de Tela 2013-08-02 às 09.30.57Captura de Tela 2013-08-02 às 09.32.28

Pip: A Rede Social de Abrir o Apetite

Imagem

Captura de Tela 2013-07-22 às 16.34.41

Fotografar é uma arte inspiradora e, fotografar comidas é delicioso e já virou mania também nas redes sociais. Tem cada foto de abrir o apetite! É um menu de opções que vão desde saladas refrescantes à sobremesas tentadoras.

O que não se imaginava é que agora, todas estas delícias ganharam uma rede social exclusiva e saborosa, o Pip!, a rede social da gastronomia cujo objetivo é reunir foodlovers  a experimentar receitas ou compartilhar seus feitos culinários. Nesta deliciosa rede social é possível postar as fotos, dar dicas saborosas e degustar as receitas publicadas.

Assim como no Facebook, no Pip! é possível comentar, curtir e compartilhar informações, além da vantagem de preservar o post sem que ele se perca em meio a novas atualizações do perfil. Um “menu” super organizado! A plataforma, ao mesmo tempo em que mantém sua ideia gastronômica fixa, funciona como uma galeria de arte com cardápios variados e um Caderno de Receitas 2.0.

Também é possível se conectar com amigos ou outras pessoas com habilidades na cozinha, de acordo com o “gosto do freguês”.

A rede social gastronômica foi criada por três brasileiros de Santa Catarina, como uma startup (empresa recém criada que possui um serviço ou produto inovador e com grandes chances de escala) e atualmente, conta com mais de 34mil usuários.

E aí abriu seu apetite? Faça parte desta deliciosa rede social!

Captura de Tela 2013-07-22 às 16.34.56

Café Compartilhado

Imagem

Imagem

O cafezinho nosso de cada dia!

Pela manhã, depois do almoço, no lanche, em qualquer momento é hora de saborear um café.

De acordo com Sociedade Brasileira de Nutrologia os brasileiros deliciam anualmente quase 13 milhões de sacas e consomem, em média, 1.200 xícaras de café ao ano.

O café além de sabor e aroma característico também é fonte de saúde. Além da cafeína, contém também, sais minerais (potássio, cálcio, zinco, ferro e magnésio) e vitamina B.

Quando consumido com moderação (em média de 3 a 4 xícaras/dia, o que equivale a 500 mg de cafeína), o café pode trazer uma série de benefícios à saúde.

Agora imagine se além de saúde você pudesse trazer aconchego e calor para um desconhecido? Isso mesmo. Basta apenas uma xícara recheada de sabor para isso acontecer.

Esta é a proposta do Café Pediente, uma iniciativa solidária, que surgiu em Nápoles em 2008 com o nome de  “Caffè Sospeso”. Trata-se de um projeto baseado na solidariedade, cuja finalidade é ajudar as pessoas mais necessitadas oferecendo-lhes um pouco de sabor à vida. Para participar basta que você antes de fechar a sua conta, deixe pago um “café pendente”.

São vários os restaurantes e bares cadastrados nesta deliciosa iniciativa mundo afora.

No Brasil esta ação solidária também está presente. Em redes sociais é possível conhecer um pouco mais sobre este delicioso gesto.

Um exemplo é o Ekoa Café, na Vila Madalena em SP. Por meio do lema “gentileza gera gentileza” é possível saborear o café compartilhado.

Gestos como estes nutrem relações e deixam a vida com mais sabor!

Compartilhe e saboreie esta ideia!

GraffEat

Imagem

Captura de Tela 2013-06-24 às 10.42.32

A comida como arte de rua. Esta é a proposta do GraffEat, uma galeria deliciosamente colorida que mistura clicks de 3 fotógrafos nova-iorquinos. Os foodManiacs resolveram morder a Big Apple atrás de grafites e intervenções urbanas cuja temática central fosse comida.

Uma paixão em cores e texturas expostas em toda cidade: Soho, pontes, East Street Village, Williamsburg …

Se ir até NY não está em seus planos, basta clicar no site e saborear as mais de 1500 imagens que se encontram categorizadas por tipo de comida, locais, data e tipo de superfície.

Saboreie sem moderação!

Colher Comestível

Imagem

Presentation_Image2

A nutrição utiliza-se utensílios para adequar o porcionamento dos alimentos e/ou preparações. De acordo com Philippi (1999) “porção”  é a quantidade de alimento em sua forma usual de consumo, expressa em medidas caseiras (xícaras, fatias,…), unidades ou na forma de consumo (4 gomos de laranja, 1 fatia de mamão, 4 unidades de biscoito).

Fazemos uso das medidas caseiras no nosso dia a dia de maneira equivalente ao peso dos alimentos correspondente em sua unidade de medidas (gramas, litros, outros). Por exemplo: uma colher de sopa de arroz, equivale, em média, a 30g.

Agora imagine que os utensílios além de servirem como apoio e medidas possam ser comidos?

Isso mesmo! Uma colher comestível.

Essa é a proposta de uma empresa, a triangle tree. Trata-se de uma colher comestível e sustentável. Composta principalmente de milho e farinha integral e com um toque de ervas e especiarias. Apresenta-se em três sabores: natural, picante e doce. 

Você pode utilizá-la para comer o seu cereal matinal preferido, uma sopa, um ensopado … basta usar a sua saborosa imaginação!

E mais, a colher comestível apresenta um sistema de dissociação dos pedaços de maneira pré-determinada, evitando a formação de grânulos aleatórios.

Um comer de colher irresistivelmente saboroso para não deixar nada no prato!

cc

Referência:

Philippi ST, Ribeiro LC, Latterza AR, Cruz ATR. Pirâmide alimentar adaptada: guia para escolha dos alimentos. Rev. Nutr.1999;12:65-80.

Receitas Visuais

Imagem

Slide1

Seguindo a mesma receita que a fotógrafa Ekroos no post Frame com Sabor, a dupla Evelina Bratell e Carl Kleiner publicaram uma coleção de receitas chamado Hembakat är Bäst (caseiro é melhor).

As imagens são geometricamente deliciosas. O livro é recheado de delícias visuais. Com uma pitada de arte e outra de criatividade na lista de ingredientes, o visual dá um tom saboroso à receita com antecedência, abrindo o apetite.

Aqui a receita passo a passo seria:

1. lista de ingredientes
2. instruções e modo de preparo
3. visual, em close-up, dos ingredientes da receita e do preparação final.

O mais delicioso é que o livro é totalmente gratuito. Mas para desandar tudo, a má notícia é que o único lugar que você pode obtê-lo é na seção de cozinha de lojas Ikea – na Suécia.

A gente fica aqui então babando de inveja ou, quem der uma passadinha lá na Suécia, pode trazer este apetitoso souvenir de presente!

Slide2Slide3

Frame com Sabor

Imagem

Captura de Tela 2013-04-17 às 14.08.37

Tirar fotos de pratos e preparações já faz parte do cardápio diário de milhões de pessoas. Mas, uma ideia super divertida, inteligente e deliciosamente apetitosa foi a que a artista plástica Marina Ekross, radicada em Helsink, teve.

A artista criou um diferente modo de fotografar suas receitas. Ela junta todos os ingredientes da preparação, bem como o passo a passo e, num único frame (do começo ao fim)  consegue mostrar as delícias preparadas.

O resultado final: um vislumbre de comer com os olhos e encher a boca d’água.

Ekross agora disponibliza estas imagens saborosas em uma edição limitada de impressões de alta qualidade. Como se não bastasse há também a versão de um livro recheado de prazeres pra se ver e saborear. O preço médio é de  45 euros.

O livro foi publicado em finlandês e a autora/fotógrafa cria uma dedicatória exclusiva (que pode ser encaminhada ao finalizar a compra).

Saboreie!

Captura de Tela 2013-04-17 às 14.08.25