Da Vinci e seu Diário Alimentar

Imagem

Captura de Tela 2013-04-17 às 15.25.03

Monalisa que me desculpe, mas Leonardo da Vinci tinha um lado recheado de sabores pouco desbravado, mas igualmente curioso e interessante.

Da Vinci, literalmente, pintava na cozinha. O famoso artista foi chef de cozinha, traballando como cozinheiro em alguns restaurantes em Florença. Chegou a ser sócio de uma cantina com Sandro Botticelli e também mestre de banquetes na corte de Ludovico Sforza, em Milão.

Este grande pintor foi criado pela mãe e teve sua infância nutrida à base de vegetais e cereais integrais.

Suas pinturas renascentistas mais “comestíveis” expostas em refeições criativas e ornamentadas eram inspiradas em seus prazeres.

Da Vinci era vegetariano e defendia o direto aos animais. Seu livro de cabeceira era “De Honesta Voluptate et Valetudine”, escrito por Bartolomeo Platina e repleto de receitas vegetarianas.

O pintor também além de anotar no seu caderno os  insights artísticos, tinha o costume de anotar suas atividades diárias, incluindo a alimentação. Uma espécie de R24H (Recordatório 24 horas). E foi por meio destes deliciosos registros, recheados de histórias de Da Vinci que o casal de escritores americanos, Shelagh Jonathan Routh escreveram o livro “Os Cadernos de Cozinha de Leonardo Da Vinci”.

Neste livro, estão reunidos os seus apontamentos culinários, conhecido como Codex Romanoff, que além de receitas, traz notas sobre ingredientes e suas propriedades, inventos de utensílios de cozinha, regras de etiqueta e comportamento e ainda comentários acerca da preparação dos pratos, onde sua grande maioria era destinada aos banquetes.

Um livro repleto de delícias e curiosidades sobre um homem cujos diversos interesses iam além das ciências e das artes. Mergulhando na leitura do livro você descobrira que o pintor também foi o inventor do guardanapo, das tampas de panela e do sanduíche.

Um pintor com sabor!

Delicie-se!

Captura de Tela 2013-04-17 às 15.25.17

Lambuze-se

Imagem

Slide1

Não coma a vida com garfo e faca. Lambuze-se!
Muita gente guarda a vida para o futuro.
Mesmo que a vida esteja na geladeira,
se você não a viver, ela se deteriorará.
É por isso que tantas pessoas se sentem emboloradas na meia-idade.
Elas guardam a vida…
não se entregam ao amor, ao trabalho,
não ousam, não vão em frente.
Não deixe sua vida ficar muito séria,
saboreie tudo o que conseguir: as derrotas e as vitórias,
a força do amanhecer e a poesia do anoitecer.
Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz
você precisa aprender a gostar de si,
a cuidar de si e, principalmente,
a gostar de quem também gosta de você.

Mário Quintana

Só com 4 dá sabor?

Imagem

Antes de mais nada gostaria de fazer um pergunta: Quais são os motivos que te levam a não cozinhar?

Tempo, grana, diponibilidade e acesso aos alimentos, falta de prática, preguiça, ou tudo isso junto e misturado?

Foi pensando nisso que a dupla Kim McCoster e Rachael Bermingham, elaboraram o livro “Receitas Fáceis com 4 Ingredientes”. Nele você vai encontrar mais de 300 receitas fáceis, rápidas e deliciosas que podem ser facilmente preparadas com apenas quatro ingredientes ou menos, isso mesmo!

São pratos fantásticos para o dia a dia, com receitas práticas que vão do café da manhã ao jantar, de entradas a sobremesas, de aperitivos a sopas e saladas e muito mais. Você ficará surpreso com o que será capaz de preparar usando apenas quatro ingredientes e sem comprometer o sabor dos seus pratos.

Os ingredientes são facilmente encontrados no supermercado e o ato do preparo é super simples.

A autora Kim McCosker ainda tem um programa de TV (na Austrália), cujo lema é “Rápida, Fresca e Saudável”. No Brasil, o canal de TV pago GNT exibe uma versão do programa às terças onde a dupla coloca a mão na massa e prepara as deliciosas receitinhas!

Só para abrir o apetite e a vontade de cozinhar segue uma das receitas do livro:

Chilli com quatro ingredientes (rende 4 porções)

  • 450g de carne moída
  • 1 pacote de tempero para chilli
  • 400g de feijão em lata com o molho
  • 500ml de suco de tomate

Doure a carne moída e remova a gordura. Misture a carne e os demais ingredientes em uma panela grande. Deixe ferver e depois cozinhe, sem tampar, de 30 a 40 minutos ou até engrossar.

Opcional: Sirva com arroz e espalhe queijo ralado por cima.

“Receitas Fáceis Com 4 Ingredientes”
Autor: Kim McCoster e Rachael Bermingham
Editora: Verus Editora
Preço Sugerido: R$ 19,90

Estante Deliciosamente Divertida!

Imagem

Ainda, em comemoração ao Dia das Crianças, o post de hoje é dedicado à criançada que gosta de colocar a mão na massa!

Além de ser um momento deliciosamente divertido a criançada poderá, ainda, compartilhar momentos em família.

Estudos científicos revelam que dividir a mesa com pessoas que gostamos pode contribuir com a saúde e a alegria, estimular o desenvolvimento e aprendizagem da criança, com melhora em seu vocabulário e desempenho escolar. E mais, verificou-se também que, aquelas que realizam refeição em família, regularmente, consomem mais porções de frutas e hortaliças.

Que tal então chamar a criançada para preparar uma saborosa receita?

O que não falta no mercado são opções de livros para as “crianças gourmets”.

Seguem algumas dicas de livros deliciosamente divertidos para você compartilhar um momento de deleite e felicidade com seu filho, sobrinho, afilhado, primo, irmão … Desperte a criança que, também, existe em você e coloque, literalmente,  a mão na massa.

40 Receitas Sem Fogão – Dona Benta
A autora traz pequenas sugestões de receitas que não precisam ir ao fogo.
Autor: Albaut, Corinne
Editora: Nacional
Preço Sugerido: R$ 29,90
Prato do Dia Para Crianças
A Chef Tiça Magalhães ensina a preparar uma série de guloseimas, além de receitas saudáveis.
Autor: Tiça Magalhães
Editora: Paz e Terra
Preço Sugerido: R$ 39,90
As Deliciosas Férias de Beatriz – Viagens pelo Sul do Brasil
Escrito pela renomada chef Carla Pernambuco, a menina Beatriz faz uma viagem pelo Sul do Brasil e coleciona sabores bem regionais tais como strudel de maçã e a famosa cuca.
Autor: Carla Pernambuco, Dado Motta e Pablo Fabian
Editora: Leya
Preço Sugerido: R$ 29,90

Prateleira Recheada

Imagem

A Cia das Letras lançou um livro especialmente destinado às solteiras de plantão. Em “Livro de Receitas para Mulheres Tristes”, o colombiano Héctor Abad sugere conselhos, de maneira bem humorada,  no qual a tristeza pode passar no momento em que você decide, literalmente, colocar  mão na massa e cozinhar.

Um livro recheado de humor e pitadas de ironia. O autor faz uma alquimia com as palavras, mergulhando no universo feminino ao abordar sobre a angústia diante da finitude e da velhice,dos dilemas éticos nas relações amorosas, TPM,  frigidez, o mau hálito e até mesmo sobre a constipação intestinal.

Fica a dica.

Aprecie sem moderação!

Livro de Receitas para Mulheres Tristes
Héctor  Abad
Companhia das Letras, 141 p., R$ 32